Connect with us

Vídeos

Veja o que fazer e visitar em Florida Keys

Prublicadas

sobre

Tempo de Leitura:3 Minuto, 50 Segundo


No extremo sul da Flórida, esse famoso arquipélago reúne belas praias, recifes de corais e cidades tranquilas com um clima bem tropical

Florida Keys é um famoso arquipélago Florida Keys é um famoso arquipélago Imagem: Julien Jean Zayatz | Shutterstock)

No extremo sul da Flórida, esse famoso arquipélago reúne belas praias, recifes de corais e cidades tranquilas com um clima bem tropical. Entre a parte continental do estado e o Caribe, as Florida Keys são um destino que parece feito sob medida para quem quer relaxar e aproveitar aquele clima permanente de férias. As opções de lazer são inúmeras, desde mergulhar entre corais a curtir um drinque ao pôr do sol no ponto mais ao sul dos Estados Unidos.

Um grande diferencial deste arquipélago é que suas principais ilhas são ligadas ao continente pela Overseas Highway (Florida Keys Scenic Highway), com dezenas de pontes sobre o mar. Essa facilidade de acesso faz das Florida Keys um destino favorito para uma road trip.

A partir de Miami, são cerca de 90 km até o centro de Key Largo, a primeira cidade do arquipélago. De lá até Key West, a última comunidade do trajeto, são mais de 150 km de paisagens paradisíacas – e a estrada já é uma atração em si, com vistas de tirar o fôlego para o mar que varia entre tons de turquesa e verde-esmeralda. Mas não tenha pressa: a ideia desse roteiro é percorrer o caminho com calma, ao longo de vários dias, fazendo paradas em cada ilha.

Praias e corais

Uma das maiores barreiras de corais do mundo se estende paralelamente às Keys, protegida pelo Florida Keys National Marine Sanctuary, onde habitam peixes coloridos, tartarugas marinhas e outros animais. Em Key Largo, não deixe de conhecer o John Pennekamp Coral Reef State Park, o primeiro parque submarino dos Estados Unidos e um dos melhores pontos de mergulho da Flórida. Além das criaturas marinhas, ali está o Christ of the Abyss, uma estátua de bronze de Jesus Cristo no fundo do mar.

Para interagir com animais marinhos, vale conhecer o Theater of the Sea, em Islamorada, e o Dolphin Research Center, perto de Marathon. Islamorada também é lugar certo para fazer snorkeling, em águas calmas e cristalinas. E, a partir de Marathon, atravesse a famosa Seven Mile Bridge, a ponte mais longa e o trecho mais bonito de toda a Overseas Highway, e siga até o Bahia Honda State Park, onde está uma das melhores praias das Keys, a Sandspur Beach. Marathon também conta com outras belas praias, como a Sombrero Beach.

Key west é conhecida por sua influência cubana e pela atmosfera leve e descontraída Imagem: John Panella | Shutterstock

Key West

Cidade mais ao sul dos Estados Unidos e destino da Overseas Highway, Key West é conhecida por sua influência cubana e por guardar uma atmosfera leve, descontraída e muito tropical. Um lugar que te convida a relaxar e desacelerar. Prepare-se para encontrar uma variedade de boutiques locais, cafés e restaurantes de frutos do mar. Na hora da sobremesa, não deixe de provar a especialidade do destino: a key lime pie, muito semelhante à torta de limão brasileira.

O mais famoso residente de Key West foi o escritor Ernest Hemingway, cuja casa, erguida em estilo colonial espanhol, foi transformada em museu. Uma curiosidade: a propriedade é habitada por dezenas de gatos que possuem seis dedos, um traço genético raro, e são descendentes de um gato que pertenceu a Hemingway.

Dry Tortugas

Em Key West, confira também o agito na Duval Street e admire o pôr do sol na Mallory Square. Há ainda mais um lugar para visitar nas Keys: o Parque Nacional de Dry Tortugas, que fica a cerca de 100 km de Key West, na ponta mais remota do arquipélago, acessível apenas por barco ou hidroavião. O local consiste em 260 km² de um mar turquesa cristalino, perfeito para mergulhar ou flutuar com snorkel, e sete ilhas pequenas. Na principal, Garden Key, há uma área para camping. Os barcos atracam no píer de Garden Key, onde está o histórico Forte Jefferson, de 1846.

Por Patrícia Chemin – revista Qual Viagem 





Fonte: Edicase

Vídeos

5 personagens de ‘House Of The Dragon’ para conhecer melhor

Prublicadas

sobre

Tempo de Leitura:3 Minuto, 52 Segundo


‘House Of The Dragon’ tem cativado o público por sua trama intrigante e grandes personagens ‘House Of The Dragon’ tem cativado o público por sua trama intrigante e grandes personagens Imagem: Reprodução digital | HBO)

A segunda temporada de ‘House Of The Dragons’ estreou no dia 16 de junho e, desde então, tem cativado o público com sua trama repleta de intrigas políticas e batalhas épicas, enriquecida com um elenco ainda mais diversificado e cativante.

Além dos principais personagens da primeira temporada, novos rostos foram adicionados à sequência, trazendo motivações para a guerra civil Targaryen, conhecida como a Dança dos Dragões. Abaixo, veja quem são eles e conheça um pouco sobre as personalidades mais interessantes da série!

1. Rhaenyra Targaryen (Emma D’Arcy)

Rhaenyra Targaryen é uma das personagens mais importantes de ‘House Of The Dragon’ Imagem: Reprodução digital | HBO

A princesa Rhaenyra Targaryen é filha do Rei Viserys I Targaryen e casada, pela segunda vez, com príncipe Daemon Targaryen, seu tio. Na história, ela desempenha um papel fundamental para o desenrolar da saga, visto que foi a disputa pelo trono da família que deu origem à Dança dos Dragões, uma guerra civil que marcou a história de Westeros (continente fictício onde se passa a maior parte da trama).

Tudo começou após a morte do Rei Viserys, que nomeou a filha como a sua sucessora, por ela ser a irmã mais velha e ter um filho homem. No entanto, a decisão do monarca não foi respeitada após sua morte, e Aegon II, meio-irmão mais novo da princesa, assumiu o trono com a justificativa de ser o primeiro filho homem do rei. Ao saber da coroação, Rhaenyra declarou-se a verdadeira rainha e começou a reunir apoiadores para lutar por sua reivindicação, originando a sangrenta guerra abordada na série.

2. Alicent Hightower (Olivia Cooke)

Alicent Hightower é uma figura influente na política dos sete reinos Imagem: Reprodução digital | HBO

Filha de Otto Hightower, Alicent é uma membro poderosa da Casa Hightower e uma figura influente na política dos sete reinos. A sua história é marcada pela ascensão após a morte do Rei Viserys I, de quem ela era Rainha Consorte, e intrigas na corte, incluindo uma poderosa disputa com Rhaenyra. Isso porque, na segunda temporada, ela luta para manter o poder dos Westeros na mão dos seus filhos, Aegon II e Aemond Targaryen.

3. Lorde Corlys Velaryon (Steve Toussaint)

Lorde Corlys Velaryon desempenha um papel importante na disputa pelo trono de Westeros Imagem: Reprodução digital | HBO

Lorde Corlys, também conhecido como “A Serpente do Mar”, é chefe da Casa Velaryon, uma das mais antigas e respeitadas de Westeros, e possui uma vasta riqueza acumulada por meio de inúmeras expedições marítimas. Casado com Rhaenys Velaryon, uma cavaleira do dragão que reivindicou Meleys – a Rainha Vermelha –, ele é um dos apoiadores da princesa Rhaenyra durante a Dança dos Dragões contra seu meio-irmão Aegon e desempenha um papel fundamental na disputa pelo trono de Westeros, especialmente após se tornar Mão da “Rainha” Rhaenyra.

4. Lord Cregan Stark (Tom Taylor)

Lord Cregan Stark tem habilidades cruciais para vencer a Dança dos Dragões ao lado de Rhanyera Imagem: Reprodução digital | HBO

Lord Cregan Stark é um poderoso membro da Casa Stark, uma antiga família governante do Norte de Westeros, cuja sede é o castelo de Winterfell. Conhecido nos livros e na série por ser o Senhor de Winterfell e o Guardião do Norte, durante o período da Dança dos Dragões, ele é descrito como um líder forte e leal, do qual as habilidades são cruciais para a aliança com Rhaenyra na guerra. A inclusão do personagem na série promete trazer mais profundidade e intriga.

5. Alyn Velaryon (Abubakar Salim)

Alyn Velaryon é um personagem intrigante e que promete se destacar na luta das pessoas negras Imagem: Reprodução digital | HBO

Membro da Casa Velaryon, uma das casas nobres de Westeros, Alyn é introduzido na segunda temporada da série como o responsável por salvar Corlys Velaryon em um confronto marítimo. Ele é descrito na história como um jovem cavaleiro e um dos personagens intrigantes da trama. Promete se destacar na luta a favor das pessoas negras, principalmente considerando que as suas cenas estão relacionadas à dinâmica política e social.





Fonte: Edicase

Continue Lendo

Vídeos

7 benefícios da erva-cidreira para a saúde

Prublicadas

sobre

Tempo de Leitura:4 Minuto, 14 Segundo


Veja como esta planta pode favorecer a saúde e auxiliar no tratamento de doenças

A erva-cidreira é uma planta benéfica para a saúde devido às suas propriedades calmantes, digestivas, anti-inflamatórias e antioxidantes A erva-cidreira é uma planta benéfica para a saúde devido às suas propriedades calmantes, digestivas, anti-inflamatórias e antioxidantes Imagem: aTp_artist | Shutterstock

A erva-cidreira, também conhecida como Melissa officinalis, é uma planta perene originária da região do Mediterrâneo e da Ásia Ocidental e amplamente utilizada na medicina tradicional e na culinária. Com agradável aroma cítrico, além de ser um ingrediente versátil em chás e receitas, ela oferece uma série de benefícios para a saúde. Abaixo, confira alguns deles!

1. Reduz o estresse e a ansiedade

A erva-cidreira é famosa por suas propriedades calmantes. O seu consumo em forma de chá pode ajudar a reduzir os níveis de estresse e ansiedade, promovendo uma sensação geral de relaxamento e bem-estar. Seus compostos ativos, como o ácido rosmarínico, desempenham um papel importante na modulação dos neurotransmissores relacionados ao estresse.

2. Melhora o sono

Para aqueles que enfrentam dificuldades para dormir, a erva-cidreira se mostra uma aliada natural. Seu efeito calmante promove um sono mais profundo e reparador. O chá de erva-cidreira, tomado antes de dormir, pode ser um ótimo remédio natural para insônia e distúrbios do sono.

“Costumo comparar o sono como a hora de recarregar a bateria da máquina chamada corpo humano. Se tivermos menos tempo de recarga, menor poder de ação e menor tempo de funcionamento com eficiência teremos no dia”, afirma o nutrólogo Dr. Carlos Portela.

3. Alivia dores de cabeça

A aplicação tópica de óleo essencial de erva-cidreira pode ajudar a aliviar dores de cabeça e enxaquecas. Suas propriedades anti-inflamatórias e relaxantes contribuem para a redução da tensão muscular e do estresse, fatores comuns associados às dores de cabeça.

“As cefaleias devem ser tratadas, mesmo as menos frequentes. Nos últimos 20 anos, os avanços nesse sentido foram enormes e, hoje, nenhum médico diz ao paciente uma frase que era comum há alguns anos: ‘você tem que se acostumar a viver com sua dor de cabeça’”, afirma o neurologista José Geraldo Speciali. 

A erva-cidreira beneficia a saúde cardiovascular ao reduzir a pressão arterial e melhorar a circulação sanguínea Imagem: Leka Talamoni | Shutterstock

4. Melhora a saúde cardiovascular

A erva-cidreira pode ter efeitos benéficos em relação à saúde cardiovascular. Ela ajuda a reduzir a pressão arterial e a melhorar a circulação sanguínea, devido às suas propriedades vasodilatadoras e relaxantes. “Quando há excesso de gordura na parede das artérias, isso atrapalha ainda mais o sangue chegar até alguns tecidos”, explica a cirurgiã vascular Dra. Aline Lamaita, membro da Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular. “Essa má circulação pode ser extremamente perigosa, porque há riscos de desenvolvimento de insuficiência arterial periférica, infartos do miocárdio e acidente vascular cerebral (AVC)”, alerta.

6. Apoia o controle de peso

Por promover a saciedade e reduzir o apetite, a erva-cidreira pode ajudar no controle de peso. Seu efeito relaxante também pode ajudar a prevenir o comer emocional e o consumo excessivo de alimentos.

“Comer por estar feliz, comer por estar triste, por estar ansioso ou por estar estressado são apenas alguns dos sentimentos que criam uma relação doentia com a comida e que pode resultar em inúmeros transtornos alimentares, mas que podem ser tratados”, afirma a psicóloga Valeska Bassan.

6. Auxilia na digestão

A erva-cidreira possui propriedades digestivas capazes de aliviar sintomas de indigestão, como inchaço e gases. Ela estimula a produção de bile, o que facilita a digestão dos alimentos e contribui para a saúde geral do sistema digestivo.

“Um desequilíbrio bacteriano no intestino, ou ‘disbiose intestinal’, é muito comum hoje em dia. Estresse, alimentos processados, alto consumo de açúcar, álcool e uso excessivo de antibióticos são fatores comuns que diminuem nossas boas bactérias intestinais e contribuem para a disbiose intestinal”, explica o dermatologista Dr. Daniel Cassiano, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

7. Alívio de cólicas menstruais

O chá de erva-cidreira alivia cólicas menstruais devido às suas propriedades antiespasmódicas, que relaxam os músculos uterinos, e seu efeito calmante, que reduz o estresse e a ansiedade. Ainda, suas propriedades anti-inflamatórias diminuem a inflamação, e sua capacidade de melhorar a circulação sanguínea ajuda a reduzir o desconforto e a dor.

“No período menstrual, as contrações uterinas aumentam, justamente para auxiliar na eliminação do endométrio. Para ajudar neste processo, há aumento de mediadores inflamatórios locais, e isso, associado à contratilidade uterina aumentada, pode causar dor do tipo cólica”, explica a ginecologista Dra. Juliana Sperandio, parceira de Pantys, marca de calcinhas absorventes para menstruação, maternidade e incontinência.





Fonte: Edicase

Continue Lendo

Vídeos

Veja como adequar os níveis de gordura e massa muscular

Prublicadas

sobre

Tempo de Leitura:3 Minuto, 24 Segundo


Para ter uma vida saudável, é necessário manter a composição corporal equilibrada

A composição corporal refere-se à proporção de gordura e massa magra A composição corporal refere-se à proporção de gordura e massa magra Imagem: Nok Lek Travel Lifestyle | Shutterstock

Na busca por uma vida mais saudável, muitas pessoas veem a balança como uma inimiga, acreditando que o peso mostrado ali é o mais importante. No entanto, segundo o médico especialista em saúde integrativa Dr. Francisco Saracuza, o foco deve ser na composição corporal, pois ajuda a fornecer uma visão mais detalhada da relação entre músculo e gordura no corpo.

A composição corporal refere-se à proporção de gordura e massa magra formada pelos músculos, ossos, água e outros tecidos no corpo. Enquanto o peso na balança pode dar uma ideia geral do estado físico, ele não diferencia entre peso de gordura e peso de músculo, o que pode levar a interpretações errôneas sobre a saúde de um indivíduo.

Níveis ideais gordura corporal

Os percentuais de gordura corporal ideais variam entre homens e mulheres devido a diferenças fisiológicas naturais. Para homens, um percentual saudável de gordura corporal situa-se entre 14-24%, enquanto, para mulheres, esse intervalo é de 21-31%. Atletas, que necessitam de um desempenho físico superior podem ter percentuais de gordura corporal ainda mais baixos: 6-13% para homens e 14-20% para mulheres.

Níveis de massa muscular

Diferentemente da gordura corporal, não há um consenso tão claro sobre os níveis ideais de massa muscular. Todavia, podemos utilizar faixas de referência baseadas em massa corporal magra. Para homens, uma massa corporal magra entre 33-39% é considerada normal, enquanto, para mulheres, o intervalo normal é de 24-30%.

Estudos mostram que a composição corporal é um indicador mais preciso de saúde e longevidade do que o Índice de Massa Corporal (IMC) isoladamente. A massa muscular está associada a uma série de benefícios, incluindo aumento da taxa metabólica basal, melhor controle da glicose e maior força e resistência física. Por outro lado, a gordura corporal, especialmente a gordura visceral, está associada a riscos aumentados de doenças metabólicas, cardiovasculares e até alguns tipos de câncer.

Para ter uma boa composição corporal, é necessário ter uma dieta equilibrada junto a uma rotina de exercícios Imagem: Hananeko_Studio | Shutterstock

Estratégias para otimizar a composição corporal

A seguir, o Dr. Francisco Saracuza compartilha estratégias para equilibrar uma dieta saudável com uma rotina de treinos.

Dieta

A alimentação desempenha um papel crucial na modulação da composição corporal. Uma dieta rica em proteínas de alta qualidade, carboidratos complexos e gorduras saudáveis pode promover o aumento da massa muscular e a redução da gordura corporal.

  • Proteínas: essenciais para o crescimento e reparo muscular. Recomenda-se uma ingestão de 1,6 a 2,2 gramas de proteína por quilograma de peso corporal para indivíduos que treinam regularmente;
  • Carboidratos: fornecem energia para o exercício e recuperação. Opte por carboidratos complexos, como grãos integrais e vegetais;
  • Gorduras saudáveis: importantes para a saúde hormonal e celular. Inclua fontes de gorduras insaturadas, como azeite de oliva, abacate e nozes.

Exercício

Combinar treinamento de força com exercícios aeróbicos é a chave para melhorar a composição corporal.

  • Treinamento de força: aumenta a massa muscular e a força. Exercícios envolvendo musculação são altamente eficazes;
  • Exercícios aeróbicos: ajudam na queima de gordura. Inclua atividades como corrida, ciclismo e natação em sua rotina.

“Ao entender a importância da composição corporal e implementar mudanças estratégicas e personalizadas, você pode transformar seu corpo, sua saúde e, consequentemente, sua vida. Afinal, a verdadeira revolução na saúde começa de dentro para fora”, finaliza o Dr. Francisco Saracuza.

Por Roneia Forte





Fonte: Edicase

Continue Lendo

Popular